Notícias

Por que ter educação financeira na adolescência?

09/02/2021

 

 Uma realidade que assombra os brasileiros é o excesso de dívidas. Segundo os dados da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic) cerca de 66,3% dos consumidores terminaram o ano de 2020 com dívidas.

O desemprego e a desordem financeira estão dentre os fatores que agravam a economia do pais. Pensando nisso, o Colégio ALFA integrou em suas atividades conteúdos voltados a educação financeira para alunos da 1ª a 3ª série do ensino médio.

 Por meio de uma metodologia denominada DSOP que significa D (Diagnosticar) S (Sonhar) O (Orçar) P (Poupar) trata o estudo de finanças como uma ciência exata e comportamental. Os alunos realizam atividades práticas como:  Quadro de Sonhos, modelagem de um orçamento familiar, simulação de investimento além de lives com pessoas do ramo empresarial.

Higor Albuquerque é professor de Educação Financeira do Colégio ALFA e atua em conjunto com a empresa DSOP. Ele explica que é fundamental a inserção desses jovens em assuntos atuais. “Neste momento de recessão financeira mais do que nunca é melhor estar “antenado”. O jovem é muito imediatista com desejos que podem prejudica-los no futuro”

O colégio ALFA tem o objetivo de formar pessoas com pensamentos críticos e profissionais capacitados para lidar com as demandas do mercado. Através da educação financeira, os adolescentes são motivados a sonhar e aprender táticas para um futuro financeiro estável.

Conheça a metodologia de ensino do Colégio ALFA